Portes Grátis para compras acima de 49€ | Envios em 24-48h | Pagamentos por Multibanco ou à Cobrança



Primeiro Trimestre de Gravidez: O Que Esperar

A gravidez no primeiro trimestre pode ser esmagadora. Entenda as mudanças que vão ocorrer e como cuidar de si mesma, durante este momento emocionante.

 

grávida sono enjoo

 

O primeiro trimestre da gravidez é marcado por uma transformação invisível - mas surpreendente. E isso acontece de um modo muito rápido, quase nem dá tempo para assimilar racionalmente. Os hormónios desencadeiam todas as funções do seu corpo para começar a nutrir o bebé antes mesmo dos testes e dos exames físico confirmarem a gravidez.

Saber quais as mudanças físicas e emocionais a esperar durante o primeiro trimestre pode ajudá-la a enfrentar os próximos meses com muita confiança e à vontade.

O seu corpo na gravidez

Embora o primeiro sinal de gravidez possa ter sido a falta de menstruação, pode esperar várias outras mudanças físicas nas próximas semanas, incluindo:

  • Seios sensíveis e inchados. Logo após a concepção, alterações hormonais podem tornar os seios sensíveis ou doridos. O desconforto provavelmente diminuirá após algumas semanas, à medida que corpo se ajusta às mudanças hormonais. A natureza trata de tudo e é mágica.
  • Náusea com ou sem vómito. O enjoo ou náusea, que podem ocorrer a qualquer hora do dia ou da noite, geralmente começa um mês depois de engravidar. Isto pode ser devido ao aumento dos níveis hormonais. Contudo, há mulheres que nem passam por isto. Para ajudar a aliviar a náusea, evite o estômago vazio. Coma devagar e em pequenas quantidades a cada uma ou duas horas. Escolha alimentos com baixo teor de gordura. Evite alimentos ou cheiros que piorem a náusea. Beba grandes quantidades de líquidos. Alimentos contendo gengibre podem ajudar.  Contacte o seu médico se as náuseas e vómitos forem graves e muito constantes.

  • Aumento da micção. Pode ter vontade de urinar com mais frequência do que o habitual. A quantidade de sangue no corpo aumenta durante a gravidez, fazendo com que os rins processem fluido extra que acaba na bexiga.

  • Sonolência. Durante o início da gravidez, os níveis do hormónio progesterona sobem - o que pode dar-lhe muito sono. Descanse o máximo que puder. Uma dieta saudável e exercícios podem ajudar a aumentar a energia diária.

  • Aversões alimentares. Quando está grávida, pode tornar-se mais sensível a certos odores e o paladar pode mudar. Como a maioria dos outros sintomas da gravidez, as preferências alimentares podem ser atribuídas a alterações hormonais.

  • Azia. Os hormónios da gravidez que relaxam a válvula entre o estômago e o esófago podem permitir que o ácido do estômago vaze para o esófago, causando azia. Para evitar a azia, faça pequenas refeições frequentes e evite alimentos fritos e condimentados, frutas cítricas e chocolate.

  • Prisão de ventre. Os elevados níveis do hormónio progesterona podem retardar o movimento dos alimentos através do sistema digestivo, causando obstipação. Os suplementos de ferro podem ainda aumentar mais o problema. Para prevenir ou aliviar a obstipação, inclua muita fibra na sua dieta e beba muitos líquidos, especialmente água e ameixas ou outros sucos de frutas. Atividade física regular também ajuda.

 

As suas emoções na gravidez

A gravidez pode deixá-la feliz, ansiosa, empolgada e exausta - às vezes de uma só vez. Mesmo se por um lado está feliz por estar grávida, a vinda de um bebé pode ser igualmente um grande factor de stress emocional.

É natural preocupar-se com a saúde do bebé, a sua adaptação à maternidade e as exigências financeiras de criar um filho. Se está trabalhar, pode estar preocupada em como equilibrara vida familiar com a profissional. Também poderá sentir mudanças de humor. Tudo isto é normal!  Cuide de si e peça compreensão e encorajamento ao seu companheiro, família e amigos. Se as alterações de humor se tornarem severas ou intensas, consulte o seu médico para obter ajuda profissionalizada.

Cuidados pré-natais

Quer escolha um médico de família, um obstetra, ou enfermeira obstétrica, o seu prestador de cuidados de saúde irá tratá-la, educá-la e tranquilizá-la durante a gravidez.

A sua primeira visita irá basear-se em avaliar a sua saúde geral, identificando quaisquer fatores de risco e determinando a idade gestacional do bebé. O seu  médico irá fazer perguntas detalhadas sobre o histórico de saúde. Seja honesta. Se não se sentir à vontade para expor o seu histórico de saúde em frente ao seu companheiro, agende uma consulta particular. 

Após a primeira visita, provavelmente ser-lhe-á aconselhado a agendar exames a cada quatro semanas. Durante essas consultas, exponha quaisquer preocupações, dúvidas ou medos que possa ter sobre a gravidez, o parto ou a vida com um recém-nascido. Lembre-se, nenhuma pergunta é parva ou sem importância - e as respostas podem ajudá-la a cuidar de si e do seu bebé.

 

  • Etiquetas: 5